Contagem regressiva para implementação do Sistema Nacional de Controle de Medicamentos

18 de setembro de 2017

Ambiente regulatório deve contribuir para a inovação, diz Anvisa

De acordo com o presidente da Anvisa, Jarbas Barbosa, o ambiente regulatório não pode ser uma barreira para o surgimento de novas tecnologias.

A sexta edição do Cimes – Congresso de Inovação em Materiais e Equipamentos para Saúde -, que aconteceu em São Paulo, foi mais um capítulo do debate sobre a implantação de inovações tecnológicas na área da saúde.

Com o tema “Saúde 4.0: Inovação e Competitividade” o encontro reuniu autoridades do governo e pesquisadores do setor para discutir o aprimoramento de políticas públicas voltadas à saúde e fortalecer o cenário da inovação nacional.

O presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Jarbas Barbosa, marcou presença no evento e discursou, durante a abertura, a favor do estímulo às ações que prezam pela inovação. Para ele, o ambiente regulatório precisa existir, mas sem frear o desenvolvimento de novas propostas.

O presidente da Anvisa defendeu a necessidade de “um rápido processo de avaliação de segurança e eficácia” para que as soluções possam ficar oficialmente à disposição da população. Na visão da Anvisa, o ambiente regulatório deve ser também indutor da inovação.

“A Anvisa tem procurado acompanhar esse processo com várias ações, desde uma resolução nova que estamos elaborando sobre regras mais rápidas para a importação de materiais de pesquisa, até uma discussão de priorização de análises […] Sendo assim, creio que cumprimos nosso papel de proteger a população, ampliando o acesso e garantindo que produtos fabricados no Brasil tenham um padrão internacional”, disse ao Portal da Agência.

No evento também foram discutidos novos modelos para garantir uma maior sustentabilidade ao cenário de saúde. A missão de erradicar os problemas relacionados à prevenção e reduzir custos ampliando o acesso da população aos medicamentos. É neste ponto que se concentra o debate. E a busca por soluções que envolvam tecnologia e políticas eficientes.

Fale conosco

Mensagem