Contagem regressiva para implementação do Sistema Nacional de Controle de Medicamentos

8 de outubro de 2019

Nigéria estabelece prazo de cinco anos para rastreabilidade de medicamentos

Nos próximos cinco anos, a Nigéria quer ter um sistema de rastreamento de medicamentos que esteja em vigor para pelo menos 70% dos produtos farmacêuticos vendidos no país.

O prazo foi estabelecido pela Profa. Mojisola Christianah Adeyeye, diretora geral da Agência Nacional de Administração e Controle de Alimentos e Medicamentos da Nigéria (NAFDAC), na segunda Conferência Africana da GS1 sobre saúde, realizada em Lagos na semana passada.

Existe uma necessidade urgente de implementar a rastreabilidade de medicamentos na Nigéria, pois as estimativas mais recentes são de que cerca de 17% dos medicamentos distribuídos no país estão abaixo do padrão ou falsificados. Embora essa seja uma melhora na taxa de 40% vista no início dos anos 2000, ainda é muito alta, disse Adeyeye.

A Nigéria implantou várias tecnologias para tentar conter medicamentos falsificados, incluindo um sistema de autenticação móvel (MAS) que foi pilotado em 2010 e implantado em 2012 para medicamentos antimaláricos e antibióticos, incluindo importações e medicamentos fabricados no país.

O sistema do MAS parece ter tido um impacto profundo, com a taxa de falha dos antimaláricos caindo de quase 20% entre 2010 e 2012 para apenas 1,3% em resultados de março de 2019. Ainda assim “é a hora certa de implementar a rastreabilidade na cadeia de suprimentos usando padrões globais”, disse Adeyeye na conferência.

O objetivo é melhorar a visibilidade do status do produto “desde a planta até o paciente”, usando códigos de barras serializados para rastrear medicamentos através de uma cadeia de suprimentos legítima, também identificando e autenticando medicamentos dispensados nos pontos de entrega de serviços nos setores público e privado.

A matéria acima, publicada pelo portal SecuringIndustry, relata mais um país no movimento global de implementação de rastreabilidade de medicamentos. Vale ressaltar que no Brasil a ANVISA está em fase de implementação do SNCM (Sistema Nacional de Controle de Medicamentos), com prazo final em 2022.

Para avaliação de sua empresa para aderência ao SNCM, entre em contato com consultoria@rastreabilidadebrasil.com.br.

Fale conosco

Mensagem