Contagem regressiva para implementação do Sistema Nacional de Controle de Medicamentos

7 de julho de 2017

Novos leitores podem identificar até 1200 produtos por minuto

Desenvolvida recentemente, tecnologia especial dos leitores é capaz de captar código de barras mesmo a 3 m de distância do produto.

A equipe de equipamentos da família Matrix – Matrix 120, Matrix 210, Matrix 300 e Matrix 410 – chegou ao conhecimento do público recentemente, sendo demonstrados durante a 33ª edição da Fispal Tecnologia, entre 27 e 30 de junho.

A tecnologia, desenvolvida diretamente na sede brasileira da empresa Datalogic, em Jundiaí (SP), permite maior velocidade e precisão para a captação dos códigos de barra. Situações randômicas e diárias da indústria foram simuladas para demonstrar a eficácia dos leitores.

A verificação via código de barras já é padrão no que diz respeito à indústria farmacêutica e de medicamentos. Ainda mais depois da publicação da nova RDC , em maio de 2017, que versa sobre as regulamentações para a rastreabilidade de medicamentos.

Por uma maior otimização dos processos, pela tentativa de economizar recursos, e visando a melhoria do serviço como um todo, o rastreamento dos produtos a partir de uma tecnologia avançada e eficaz – tal qual os novos leitores – só tem a contribuir com o fluxo da cadeia de rastreabilidade, que permite monitorar a procedência dos produtos durante todo o seu deslocamento.

“No Brasil, as indústrias farmacêuticas e alimentícias estão entre as que mais adotam este tipo de solução para a rastreabilidade. Na montagem automobilística, 100% dos processos já são monitorados por leituras unidimensionais e bidimensionais. A tendência é que mais mercados incorporem estes recursos e, num futuro próximo, toda a indústria faça uso do mesmo”, disse Domingos Mancinelli, um dos diretores comerciais da empresa.

Fale conosco

Mensagem